O novo acordo Ortográfico em Concursos Públicos

O Novo Acordo Ortográfico pega muitos concurseiros, pois nunca se sabe como a banca está cobrando o certame. Para saber exatamente como agir sobre o novo acordo ortográfico em concursos públicos é preciso ser o edital, segundo o acordo definido com a presidente, os candidatos tem até 2016 para se habituar a nova norma, no entanto, algumas bancas já estão cobrando o acordo, por isso, não se recomenda misturar os acordos em provas. Nesse artigo vamos trazer todas as informações sobre o acordo ortográfico em concursos públicos.

novo acordo ortográfico

Saiba como diferenciar as novas regras do acordo ortográfico em concursos públicos.

O novo acordo Ortográfico em Concursos Públicos

Houveram mudanças significativas quando o assunto e o acordo ortográfico, algumas palavras mudaram o sentido, perderam acentos ou ganharam e muita coisa se alterou, no entanto, a maioria das bancas acaba por não cobrar, dependendo do avaliador perceber os problemas relacionados ao novo acordo ortográfico, o ENEM principal prova do ensino médio não está cobrando ainda as novidades da língua brasileira e só terá que cobrar a partir de 2016, por isso, é preciso se preparar adequadamente para aprender. Inclusive, tudo indica que o concurso Correios 2014, que já está sendo preparado, já virá com questões práticas sobre o novo acordo. Fique atento!

novo acordo ortografico

Apesar de ser obrigatório apenas em 2016 não indica que ele não deve ser utilizado, por isso, recomenda-se sempre a leitura completa do edital para saber como a banca trabalha em relação o novo acordo ortográfico em concursos públicos, lá, certamente terá todo o conteúdo na parte de “Conteúdo Programático” onde indica as questões que caem nas provas, se estiver o acordo do novo acordo ele será cobrado em prova e você precisará saber mais sobre ele, independente se você está em um concurso público, provas de vestibulares ou qualquer outro tipo de certame.

novo acordo ortografico

Vale ressaltar que algumas bancas costumam aceitar em redações a escolha de qualquer tipo de acordo ortográfico, tanto o antigo, quanto o novo. No entanto, alguns professores dão a entender de que você deve sempre ir pelo novo acordo, misturar os dois pode gerar punições e certamente a perda de pontos na redação e na prova discursiva (se for o caso). A melhor forma portanto, é se preparar adequadamente, aprender as mudanças e trabalhar desde já com elas, não esperando chegar 2016 para aprender todas as mudanças impostas no acordo ortográfico brasileiro.

As mudanças valem para a vida e para qualquer trabalho, por isso, todas as pessoas devem se atualizar sobre o novo acordo ortográfico brasileiro para saber como escrever, quais as palavras, sintaxes, classes que tiveram mudanças para poder se preparar adequadamente para relatórios, redações, provas e até para usar no seu cotidiano. Para tanto, siga as dicas encontradas em nosso site que traz mais informações para quem deseja saber mais sobre o acordo.

Preço de Apostila Concursos

Alguma dúvida? Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *